Into the wild

meteorologia: e esfriou mesmo…
pecado da gula: 2 pães com manteiga na chapa
teor alcoolico: ainda nada…
audio: boca livre
video: pushing daisies

Into the wild, direção Sean Penn

Ótima adaptação do livro de Jon Krakauer (“Na natureza selvagem”), que conta a trajetória de um jovem (Christopher McCandless) que abandona tudo – casa, pais, irmã, carro, dinheiro, faculdade – e parte meio sem rumo numa viagem através dos EUA. Meio sem rumo, porque em certo ponto da sua travessia, chega à conclusão de que seu destino é o Alasca e inicia alguns preparativos para atingir esse objetivo.
Sem ter a pretensão de estar imbuído de algum dever ecológicamente correto ou de defender alguma causa, sua jornada é apenas a busca de auto-conhecimento através do contato direto com a natureza selvagem.
Boa surpresa é a atuação de Hirsch, que até então me parecia um ator menor, sem grandes qualidades, mas conseguiu uma performance surpreendente.
Outro destaque é a excelente trilha sonora, a voz de Eddie Vedder tem tudo a ver com a imensidão do ambiente e a solidão de McCandless.

É um mergulho… ótima deixa pra terminar de assistir o filme e iniciar um papo sobre auto-conhecimento e objetivos na vida.

Ah! o livro também vale muito a pena, tem todos os escritos deixados pelo jovem McCandless, aka Alexander Supertramp.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *