#101 – Daredevil

Daredevil (2015) – Demolidor
s01e13 – Daredevil
Netflix

Matthew Michael Murdock (Charlie Cox) é um jovem atleta e excelente aluno. Ainda na adolescência, um acidente envolvendo um caminhão que carregava lixos tóxicos o deixou cego e fez com que ele desenvolvesse vários sentidos. Quando Matt decide vestir o uniforme e adotar o nome “Demolidor” (Daredevil), leva uma vida dupla: é advogado durante o dia, e, à noite, protege as ruas de Hell’s Kitchen, seu bairro em Nova York.
(fonte: adorocinema.com)

Se a série não fosse tão boa, certamente apenas seria lembrada pela forma física (de barril) de Vincent D’Onofrio. Quem se lembra dele em Adventures in Babysitting, MIB ou mesmo em Law & Order, vai achá-lo quase irreconhecível de tão obeso, ainda mais estando sem barba nem cabelo.

Mas felizmente a série é bem mais que isso. Não conheço a HQ, ou melhor, nunca li. A única referência que tenho do personagem é o filme tosco com Ben Affleck. Apesar de se parecer muito com Batman, e de Hell’s Kitchen se parecer demais com Gotham City, para sorte do espectador, Daredevil é muito melhor que Gotham, começando pelo elenco. D’Onofrio dispensa comentários. E Charlie Cox está muito bem como Murdock. Consegue representar um cego com os demais sentidos hiper desenvolvidos sem cair no erro de agir como se enxergasse realmente.

O arco do protagonista foi bem desenvolvido e não ficaram lacunas na história – algo essencial para os que desconhecem os quadrinhos. Se não tivesse sido liberada toda a primeira temporada de uma vez, eu certamente acompanharia regularmente toda semana.

daredevil